Avançar para o conteúdo
Página inicial » Blog » Beleza » Acne rosácea – sintomas e métodos de controlo

Acne rosácea – sintomas e métodos de controlo

Rosacea é uma doença crônica da pele que se manifesta em uma erupção cutânea no rosto e enorme sensibilidade em toda a sua superfície. Blushes e olhos vermelhos aguados também são sintomas típicos desta doença, que muitas pessoas acham embaraçosa e difícil de superar. Vamos dar uma olhada mais de perto quais são as causas e métodos de combate a essa doença.

Rosácea

O que é rosacea? Sintomas

Rosacea é uma doença de pele comum que afeta o rosto. Causa vermelhidão, eczema e irregularidades na pele. Não é contagioso, mas pode ser embaraçoso e afetar sua autoestima. Muitas vezes as pessoas afirmam erroneamente que essa doença acontece com pessoas mais velhas. Nada poderia estar mais longe da verdade. É uma condição crônica que pode acontecer conosco em qualquer idade.

Os sintomas da rosacea variam de pessoa para pessoa, mas geralmente incluem vermelhidão do rosto – geralmente as bochechas, nariz e queixo. Algumas pessoas também têm pequenos vasos sanguíneos visíveis (telangiectasia). Vermelhidão pode se transformar em pústulas ou pápulas purulentas, que a princípio podem parecer delicadas, no entanto, quando os esfregamos com um dedo, acontece que sua estrutura é muito áspera. Além disso, pode haver um inchaço significativo sob os olhos.

Rosacea – classificação

Forma telangiectática-eritematosa: caracterizada por eritema, vermelhidão persistente e vasos sanguíneos visíveis no rosto. Também pode causar uma sensação de queimação ou picada.

Rosacea papular-pustular: caracterizada por vermelhidão e saliências na pele do rosto (pápulas). Em alguns casos, esses caroços se enchem de pus.

Acne ocular rosacea: esta forma se manifesta por coceira ou queima dos olhos, juntamente com vermelhidão da conjuntiva.

Forma com dominância de lesões hipertróficas: Há espessamentos da pele com uma estrutura irregular junto com nódulos em sua superfície. Esse tipo de acne afeta mais frequentemente os homens.

Rosacea – causas

As causas exatas não foram estabelecidas e a medicina não é capaz de determinar qual é a gênese desta doença. Mas o que sabemos sobre ela? É multifatorial e há certas condições que favorecem o aparecimento e o desenvolvimento desta doença.

As principais causas incluem:

  • predisposição genética
  • distúrbios hormonais
  • problemas com o sistema imunológico
  • hiperreatividade dos vasos sanguíneos
  • tomando certos medicamentos
  • problemas com o sistema digestivo

Devido ao fato de que os problemas hormonais contribuem em grande parte para a ocorrência dessa doença, ela afeta mais as mulheres do que os homens.

Rosacea – É possível curar?

Infelizmente, a rosacea é uma doença crônica que não pode ser curada 100%. No entanto, se seguirmos as recomendações médicas e introduzirmos “tratamento geral”, há uma chance de que os sintomas sejam significativamente aliviados.

Como tratar rosacea?

Embora a rosacea seja uma doença de etiologia não totalmente explicada, existem três tratamentos principais utilizados para melhorar a qualidade de vida das pessoas com lesões de acne no rosto: tratamento causal, tratamento tópico e tratamento geral. Essas terapias funcionam melhor quando os pacientes evitam fatores associados à formação ou exacerbação da acne, como álcool, tabagismo, café, alimentos picantes e radiação UV.

O tratamento da rosacea deve ser individualizado dependendo de sua gravidade e tipo. A rosacea leve pode ser controlada com terapias tópicas como metronidazol ou ácido azelaico. Para casos moderados a graves, antibióticos orais podem ser recomendados. Algumas pessoas com rosacea também se beneficiam de laserterapia ou terapia fotodinâmica usando luz vermelha.

Rosacea - como tratar

Como tratar a rosacea na gravidez?

O tratamento deve ser realizado sob a orientação de um médico – um dermatologista. Alguns medicamentos e tratamentos podem afetar negativamente a saúde durante a gravidez, por isso vale a pena usar o conselho médico.

Cosméticos para rosacea

As pessoas que sofrem de rosacea devem usar cosméticos cuja tarefa é hidratar fortemente e proteger contra fatores externos, como exposição excessiva à luz solar. Em particular, devem ser evitados produtos que contenham álcool, fragrâncias, mentol e cânfora. Abaixo está uma lista de ingredientes que valem a pena procurar na escolha de cosméticos.

Ingredientes adequados para pele vascular e rosacea:

Ginkgo biloba – torna as paredes dos vasos sanguíneos mais elásticas, reduz sua fragilidade, melhora a circulação em capilares,

Ceramidas – Acelerar significativamente a regeneração da pele, além de acalmar as irritações e inchaços, reconstruir a barreira protetora da pele

Montanha arnica – fortalece as paredes dos capilares

Avelã bruxa – Suas propriedades melhoram o suprimento de sangue para a pele, tem propriedades anti-inflamatórias

Vitamina C – fortalece e sela vasos sanguíneos,

Rotina – reduz a permeabilidade dos vasos sanguíneos,

Castanha-do-cavalo – estimula a circulação sanguínea, torna os vasos mais elásticos e fortalece,

Ácido azelaico – reduz o eritema, tem efeitos anti-inflamatórios e antibacterianos.

Também vale a pena usar a ajuda de suplementos alimentares que ajudam a hidratar e nutrir a pele, tais como:

Dieta para rosacea

As pessoas que sofrem de rosacea devem cuidar de sua dieta, pois alguns alimentos podem provocar exacerbações e piorar a condição. Recomenda-se evitar alimentos picantes, frutas cítricas, álcool e bebidas com cafeína.

O que você deve comer?

Você deve comer muitas frutas e legumes, pois eles ajudam a manter um tom de pele saudável. Além disso, muitas frutas são ricas em antioxidantes que ajudam a combater vermelhidão e irritação.

Em particular, você deve comer um monte de melancias, maçãs e peras, bem como amoras, frutos e framboesas. O chá verde também é uma excelente bebida porque tem propriedades anti-inflamatórias que ajudarão a acalmar sua pele.

Ervas para rosacea

Camomila – Tem propriedades anti-inflamatórias e reduz a vermelhidão

Erva-prima – Tem propriedades antibacterianas, reduz inchaço e vermelhidão

Calendula – contém flavonoides, que são poderosos antioxidantes, ajudando a proteger a pele de radicais livres

Hoopoe comum – ajuda a estreitar vasos sanguíneos e melhora o tom de pele

Burdock maior – reduz espinhas e reduz psoríase

Pirethrum – fortalece os vasos sanguíneos

Arnica da montanha – tem anti-inflamatório e efetivamente fortalece os vasos sanguíneos

Nó de pássaro – acalma irritações na pele e acelera a cicatrização de feridas

Chá verde – propriedades antioxidantes e de limpeza

Coneflower de licença estreita – aumenta a resistência do corpo a infecções bacterianas e fúngicas

Salgueiro de flor pequena – suporta o equilíbrio hormonal, reduz secreção de sebo e regenera epiderme

Nettle – Limpa o corpo de toxinas e melhora a condição da pele

Violeta tricolor – reduz espinhas e lesões de acne